quarta-feira, 12 de abril de 2017

Motos da Rocan recuperadas por empresários


Na visita que os deputados da oposição fizeram, há pouco, ao Batalhão da Polícia Militar em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste, a 170 km do Recife, foram informados que as únicas motos prestáveis para as rondas da Rocan, que são poucas, só estão nas ruas porque os comerciantes locais se cotizaram para bancar os serviços de oficina.

"Isso é uma vergonha", disparou o deputado Augusto Cesar, da bancada do PTB na Assembleia. No local eles se informaram ainda que até a semana passada a polícia estava também sem viaturas para o trabalho de rua. Só no início desta semana foram enviadas duas unidades.


O Batalhão tem apenas 300 policiais para atuar em seis municípios da região, contingente que não atende à demanda da população e em razão disso tem crescido o número de ocorrências policiais na região. Só nos últimos três meses, segundo o líder da oposição, Silvio Filho (PRB), 20 pessoas foram assassinadas em Santa Cruz, que teve ainda neste período mais de 500 assaltos.

Postado por Magno Martins às 15:41

0 comentários:

Postar um comentário