segunda-feira, 17 de abril de 2017

Radialista diz que foi hackeado e quer retratação do Hospam


Foto: Farol de Notícias / Alejandro García

Após a publicação de uma nota pelo Hospam (releia a matéria), o radialista acusado de publicar em suas redes sociais ofensas ao hospital procurou a redação do FAROL para dar sua versão dos fatos.

De acordo com Marcos César Alves de Lima, 40 anos, o seu Facebook teria sido hackeado. Ele alegou que não tinha conhecimento do ocorrido no Hospam.

O comunicador se disse a favor do parto humanizado e procurou a Delegacia de Polícia Civil para denunciar o caso. Agora ele espera retratação do diretor do hospital João Antônio.

“Eu gostaria de dar um troféu a esse cara que publicou utilizando o meu nome, você sabe que hoje nas redes sociais a gente tem um bom conhecimento que têm hackers e eu não venho utilizando o meu Facebook há muito tempo”, disse o Marcos César.

“Eu não esperava um nota do Hospam no Farol me criticando. Eu não conheço bem o diretor do Hospam (João Antonio), mas ele acabou ferindo os meus princípios, eu defendo muito bem o parto humanizado. O cara que fez isso está totalmente errado e não tem muita instrução que eu tenho como profissional que sou”, afirmou.

O radialista também alegou que no dia da publicação da nota pelo Hospam não estava em casa e sequer tinha conhecimento do fato.

“Eu não sei o que fizeram com o meu Facebook, mas estava lá a notícia. Eu passei na delegacia, entreguei a documentação, vou pegar mais provas e dá processo, é difamação do meu nome. Eu que acho que o diretor do Hospam deveria me procurar para saber o que estava acontecendo. Eu espero que eles vejam esse caso, se não eu vou entrar com uma ação. Eu acho que ele (João Antonio) pecou feio”, finalizou.

VEJA NO LINK ABAIXO

0 comentários:

Postar um comentário