quinta-feira, 18 de maio de 2017

Confira o pronunciamento de Michel Temer

Rejeitado por 92% dos brasileiros, antes de ser flagrado cometendo crimes em série, Michel Temer nega a renúncia, pedida até pelos aliados, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; já se sabe que ele avalizou a compra do silêncio de Eduardo Cunha, a venda de cargos públicos em troca de propina e o vazamento da taxa de juros do Banco Central; três ministros, Bruno Araújo, Raul Jungmann e Roberto Freire, já pediram demissão; investigado pela PGR, Temer não renuncia para tentar manter o foro privilegiado; nas próximas horas, deve ser divulgado o áudio em que ele discute com Joesley Batista, da JBS, a compra do silêncio de Cunha; sem grandeza para renunciar, Temer prolonga a crise e mergulha o Brasil no abismo; pela primeira vez, o Brasil tem um "presidente" que, além de golpista, foi pego cometendo diversos crimes em flagrante

Rejeitado por 92% dos brasileiros, antes de ser flagrado cometendo crimes em série, Michel Temer nega a renúncia, pedida até pelos aliados, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Já se sabe que ele avalizou a compra do silêncio de Eduardo Cunha, a venda de cargos públicos em troca de propina e o vazamento da taxa de juros do Banco Central.

Três ministros, Bruno Araújo, Raul Jungmann e Roberto Freire, já pediram demissão.

Investigado pela PGR, Temer não renuncia para tentar manter o foro privilegiado.

Nas próximas horas, deve ser divulgado o áudio em que ele discute com Joesley Batista, da JBS, a compra do silêncio de Cunha.

Sem grandeza para renunciar, Temer prolonga a crise e mergulha o Brasil no abismo.

Pela primeira vez, o Brasil tem um "presidente" que, além de golpista, foi pego cometendo diversos crimes em flagrante.

0 comentários:

Postar um comentário