sábado, 22 de setembro de 2018

"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja



"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja






















Su"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja













Sugestão de pauta(Press Release) - Obrigado por publicar 

Créditos - Foto: MF Press Global


"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja



Apelidada de "Furacão do Sertanejo", a cantora Yara Vellasco exalta o momento vivido pelas mulheres na música sertaneja.



“Atualmente no universo sertanejo temos expoentes como Marília Mendonça e Naiara Azevedo, além das duplas Simone e Simaria, e Maiara e Maraísa. Isto é maravilhoso pois estamos mostrando o valor e o talento da mulher brasileira”, destaca a loira nascida em Campos dos Goytacazes, interior do Rio de Janeiro.



Yara Vellasco lembra que Roberta Miranda foi a primeira mulher a despontar na música sertaneja e diz que nunca sofreu preconceito por cantar o gênero musical tradicionalmente interpretado por homens: “Pelo contrário! Sou a única mulher da banda e os homens sempre elogiam minha voz e a vibração dos meus shows. Música sertaneja é isso, é alegria pura”.



A artista deu seus primeiros passos na música com apenas 5 anos de idade e ainda na infância participou de várias competições de calouros cantando músicas de artistas consagrados como Roberta Miranda, Fafá de Belém, Fagner e José Augusto. Seu primeiro trabalho aconteceu após convite de uma banda da Bahia na qual ela tornou-se vocalista.


Depois de também ser repórter e trabalhar em uma rádio em salvador onde morou 16 anos, sempre na busca pelo sucesso e reconhecimento na música, a loira decidiu seguir carreira solo e se mudou para o Rio de Janeiro.




"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja






Apelidada de "Furacão do Sertanejo", a cantora Yara Vellasco exalta o momento vivido pelas mulheres na música sertaneja.






“Atualmente no universo sertanejo temos expoentes como Marília Mendonça e Naiara Azevedo, além das duplas Simone e Simaria, e Maiara e Maraísa. Isto é maravilhoso pois estamos mostrando o valor e o talento da mulher brasileira”, destaca a loira nascida em Campos dos Goytacazes, interior do Rio de Janeiro.






Yara Vellasco lembra que Roberta Miranda foi a primeira mulher a despontar na música sertaneja e diz que nunca sofreu preconceito por cantar o gênero musical tradicionalmente interpretado por homens: “Pelo contrário! Sou a única mulher da banda e os homens sempre elogiam minha voz e a vibração dos meus shows. Música sertaneja é isso, é alegria pura”.


A artista deu seus primeiros passos na música com apenas 5 anos de idade e ainda na infância participou de várias competições de calouros cantando músicas de artistas consagrados como Roberta Miranda, Fafá de Belém, Fagner e José Augusto. Seu primeiro trabalho aconteceu após convite de uma banda da Bahia na qual ela tornou-se vocalista.

Depois de também ser repórter e trabalhar em uma rádio em salvador onde morou 16 anos, sempre na busca pelo sucesso e reconhecimento na música, a loira decidiu seguir carreira solo e se mudou para o Rio de Janeiro.

"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja

"Furacão do Sertanejo", cantora Yara Vellasco exalta momento vivido pelas mulheres na música sertaneja

Apelidada de "Furacão do Sertanejo", a cantora Yara Vellasco exalta o momento vivido pelas mulheres na música sertaneja.

“Atualmente no universo sertanejo temos expoentes como Marília Mendonça e Naiara Azevedo, além das duplas Simone e Simaria, e Maiara e Maraísa. Isto é maravilhoso pois estamos mostrando o valor e o talento da mulher brasileira”, destaca a loira nascida em Campos dos Goytacazes, interior do Rio de Janeiro.

Yara Vellasco lembra que Roberta Miranda foi a primeira mulher a despontar na música sertaneja e diz que nunca sofreu preconceito por cantar o gênero musical tradicionalmente interpretado por homens: “Pelo contrário! Sou a única mulher da banda e os homens sempre elogiam minha voz e a vibração dos meus shows. Música sertaneja é isso, é alegria pura”.

A artista deu seus primeiros passos na música com apenas 5 anos de idade e ainda na infância participou de várias competições de calouros cantando músicas de artistas consagrados como Roberta Miranda, Fafá de Belém, Fagner e José Augusto. Seu primeiro trabalho aconteceu após convite de uma banda da Bahia na qual ela tornou-se vocalista.

Depois de também ser repórter e trabalhar em uma rádio em salvador onde morou 16 anos, sempre na busca pelo sucesso e reconhecimento na música, a loira decidiu seguir carreira solo e se mudou para o Rio de Janeiro.

Créditos - Foto: MF Press Global






Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

BLCONSTRUÇOES

BLCONSTRUÇOES
SÃO JOÃO DOS LEITES, FLORES-PE

AUGUSTO CÉSAR: DEPUTADO ESTADUAL-PE

AUGUSTO CÉSAR: DEPUTADO ESTADUAL-PE
AUGUSTO CÉSAR: DEPUTADO ESTADUAL-PE DO LITORAL AO SERTÃO PERNAMBUCO FONTE

PREMOCIL

PREMOCIL
Construindo sonhos

Nildo da Sprinter - Flores - PE

Nildo da Sprinter - Flores - PE
TEL: (87) 99933-8989 (87)981225014

SERTAMOL HONDA SERRA TALHADA-PE

SERTAMOL HONDA SERRA TALHADA-PE
SERTAMOL HONDA Matriz Av. João Gomes de Lucena, 4743, São Cristóvão - Serra Talhada - PE (87) 3831-2380/2226. Filial Sertamol Honda Rod. PE 320, Nº 1594 Carnaíba - PE Fone: 9957-0051/9957-0068 ...

CICLO BIKE MOTO PEÇAS

CICLO BIKE MOTO PEÇAS
TUDO PARA SUA BICICLETA E PEÇAS PARA MOTO. SERVIÇOS GERAIS DE BICICLETA E MOTOS, RUA 13 DE MAIO, Nº 110 / CENTRO / SERRA TALHADA - PE

FARMÁCIA PRONTO SOCORRO FLORES-PE

FARMÁCIA PRONTO SOCORRO 100 ANOS ZELANDO POR SUA SAÚDE.MEDICAMENTOS HUMANOS E VETERINÁRIOS. TRAV. MANUEL QUIDUTE SOBRINHO - Nº18 FLORES-PE . ORG = GUILHERME ANDRADA.

ART CEELL

Rua Enock Ignácio de Oliveira / Vizinho ao Mercado Público / Serra Talhada

MOVELAR

CURTA NOSSA PÁGINA

ABLOGPE


Arquivo do Blog