Blog Benjamin Leite

UPAE Garanhuns e Secretaria Municipal da Mulher levam informação às usuárias da Unidade

 UPAE Garanhuns e Secretaria Municipal da Mulher levam informação às usuárias da Unidade

Cuidados de saúde e prevenção contra a violência doméstica marcaram Dia da Mulher

No último domingo (08), comemorou-se o Dia Internacional da Mulher, que nasceu justamente para reforçar a luta pela igualdade de direitos. Para marcar a passagem da data, a UPAE Garanhuns realizou na terça-feira (10), dentro da Semana da Mulher, um momento especial para os usuários, em especial as mulheres. Coordenado pelas Assistentes Sociais Valderês Barbosa e Monique Vasconcelos, a Unidade de Saúde recebeu Ana Lúcia Rodrigues Pais, assistente social, da Secretaria da Mulher de Garanhuns, que apresentou, nas recepções da unidade, breves considerações sobre a campanha: "Mais que rosas, queremos respeito! Não é privilégio, é garantia de direitos". Os encontros contaram com a participação de Michelle Torres, da Educação Permanente da unidade.

O coordenador geral da UPAE Garanhuns, comentou e apoiou a iniciativa. "Muito se fala da beleza da mulher e o quanto elas são importantes, mas o Dia Internacional da Mulher é mais que isso, é um momento de debate de seus direitos, de demonstrarmos o respeito e ampliarmos a conscientização das pessoas para este tratamento igualitário em todas as relações, inclusive profissionais." - Afirmou o gestor.

O breve diálogo recebeu a atenção de todos, tendo grande receptividade entre os pacientes, usuários e colaboradores da casa. Ana Lúcia Pais estava acompanhada de outras servidoras da secretaria que usavam a camiseta com o logo da campanha, onde diz: "Entre homem e mulher o que bate é o coração".

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Durante as intervenções foram distribuídos entre os usuários da unidade um folder produzido pela Secretaria da Mulher de Garanhuns no qual destaca o trabalho do Centro Especializado de Atendimento à Mulher Joana Beatriz, que oferece atendimento especializado e gratuito às mulheres em situação de violência doméstica e familiar.

Em sua fala, a assistente social mostrou vários tipos de violência (física, psicológica, sexual, patrimonial e moral) a que as mulheres podem estar sendo submetidas e apontou os mecanismos de auxílio e denúncia que elas podem dispor, a exemplo do Lique Denúncia (180 - 190), delegacias (da mulher e regional), ministério público, etc.

Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE
Coordenação Geral: Dr. Gustavo Amorim
Fone: (87) 3764.9000

AgênciaVOX de Notícias
Ronaldo Cesar Carvalho

(87) 9.9988.0423









Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

premocil

SERTAMOL HONDA SERRA TALAHADA-PE