terça-feira, 27 de abril de 2021

Mulher Trans diz que foi vítima de preconceito em Serra Talhada




POR Josi Souza

Via farol de noticias

Mulher Trans diz que foi vítima de preconceito em Serra Talhada

Um mulher Trans alega que foi vítima de preconceito na Farmácia Central do Município de Serra Talhada. Ela procurou a redação do Farol para contar que teve medicação controlada barrada, nessa segunda-feira (26), após atualizar os documentos pessoais com nome social. Ela atualizou a documentação há 1 ano e até então a entrega do remédio era feita sem nenhum problema.

Em conversa com o Farol, Thayla Arielly Diniz da Silva, 28 anos, informou que faz uso do medicamento contra depressão e traumas, prescritas por um psiquiatra, há mais de 1 ano quando ainda estava com a documentação masculina e após a atualização dos documentos continuou recebendo o remédio da farmácia. Porém em fevereiro e nessa segunda-feira(26) a pessoa que ela mora, que considera um pai, foi receber, mas voltou de mãos vazias com o coração dolorido pelo preconceito que vivenciou nas duas ocasiões.


”Pedi pra meu pai Ogã (que é da minha religião que não vem ao caso) ir pegar as minhas medicações e chegando lá na Central de Medicações do Município foi barrado e humilhado por preconceito por que sou Trans. Ele teve que dizer a funcionária que iria me levar pra poder mostrar meus órgãos sexuais para provar que eu mudei meu nome, isso não existe sou um ser humano igual a todos e exijo meus direitos. Tenho traumas e depressão, necessito dessa medicação foi prescrita pela psiquiatra,” relatou Arielly, continuando:

“A funcionária ainda falou que nem a prefeita resolvia nada lá. Já estou sem medicação há 2 meses. Das outras vezes eles mandaram numa boa, mas agora vêm com isso. Meu pai foi barrado pela segunda vez e ainda por cima ela falou assim pra ele: ‘para quê uma criatura dessas nasce homem e quer ser mulher? Muda até de nome!’ Eu quero uma resposta, pois necessito dos meus medicamentos,” cobrou Thayla.
O OUTRO LADO

A redação do Farol de Notícias entrou em contato com a secretária Executiva de Saúde de Serra Talhada, Alexsandra Novaes para averiguar a situação.

“Tem um divergência entre o documento dela e o sistema da medicação, é um sistema ligado ao cartão do SUS, os documentos dela está tudo ok com a mudança no nome, quando a gente joga no sistema no cartão do SUS aparece o nome antigo, por conta dessa divergência as meninas estavam tendo problemas na farmácia, mas já foi autorizado entregar a medicação dela, colocar a observação no sistema que tem essa questão da mudança do nome. Já foi solicitou a ela que viesse à secretaria para organizar o cartão do SUS, mas a medicação dela vai ser autorizada tranquilamente”, afirmou.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

PREFEITURA DE FLORES-PE

PREFEITURA DE FLORES-PE
MAIS TRABALHO, PROGRESSO E UNIÃO

FARMÁCIA VIVA

FARMÁCIA VIVA
FLORES-PE

BLCONSTRUÇOES

BLCONSTRUÇOES
SÃO JOÃO DOS LEITES, FLORES-PE

PREMOCIL

PREMOCIL
Av. João Gomes de Lucena ,3762 –São Cristóvão Serra Talhada-PE Cep:56912-000 (87) 3831-6149 (87) 999330528

SERTAMOL HONDA SERRA TALHADA-PE

SERTAMOL HONDA SERRA TALHADA-PE
SERTAMOL HONDA Matriz Av. João Gomes de Lucena, 4743, São Cristóvão - Serra Talhada - PE (87) 3831-2380/2226. Filial Sertamol Honda Rod. PE 320, Nº 1594 Carnaíba - PE Fone: 9957-0051/9957-0068 ...

FARMÁCIA PRONTO SOCORRO FLORES-PE

FARMÁCIA PRONTO SOCORRO 100 ANOS ZELANDO POR SUA SAÚDE.MEDICAMENTOS HUMANOS E VETERINÁRIOS. TRAV. MANUEL QUIDUTE SOBRINHO - Nº18 FLORES-PE . ORG = GUILHERME ANDRADA.

CURTA NOSSA PÁGINA

ABLOGPE


Arquivo do Blog