Blog Benjamin Leite

Banda Fresno contraria decisão do TSE e manda “Fora Bolsonaro”




Banda Fresno contraria decisão do TSE e manda “Fora Bolsonaro”

Tribunal Superior Eleitoral proibiu manifestações políticas durante as apresentações do festival

Horas após o ministro Raul Araújo, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ter determinado a proibição de manifestações políticas durante as apresentações do festival Lollapalooza, a banda Fresno escreveu neste domingo, 27, no telão a frase “Fora Bolsonaro” e o vocalista Lucas Silveira gritou o mesmo no microfone.

Logo depois, o cantor Lulu Santos, que fez uma participação especial no show da Fresno, declarou: “Como disse a Carmen Lúcia, cala boca já morreu, quem manda na minha boca sou eu”.

Na decisão liminar divulgada no último sábado, Raul Araujo avaliou que as manifestações de Pablo Vittar e Marina em seus shows no festival na última sexta-feira se enquadrariam como propaganda eleitoral.

Dessa forma, o magistrado vetou novos atos políticos após ação impetrada pelo PL, partido do presidente Jair Bolsonaro. A decisão, já não acatada pela Fresno, determinava multa de R$ 50 mil ao festival caso outros artistas se manifestassem politicamente.

Agora é aguardar a manifestação dos ministros do TSE sobre o comportamento da banda Fresno, se vai de fato arcar com as conseqüências por descumprir a decisão, ou simplesmente a justiça brasileira vai ficar com a desmoralização em público.

Via www.didigalvao.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

premocil

SERTAMOL HONDA SERRA TALAHADA-PE